Mais de 3.000 alunos obrigados a devolver dinheiro das bolsas

Diário das Beiras
13 de Janeiro de 2011


Os representantes de todas as escolas do Instituto Politécnico de Coimbra (IPC) estiveram reunidos ontem (12) para analisar aquilo que dizem ser “mais um gesto mentiroso do Governo”.

Em causa, o facto de cerca de 3.100 estudantes do IPC terem sido informados que terão de devolver o dinheiro já recebido referente às bolsas de estudo. De acordo com a Associação de Estudantes da Escola Superior de Educação de Coimbra (AE ESEC), “em 4.734 pedidos de bolsa do IPC apenas 1.274 vão receber apoio”.

“Estamos a ser mais uma vez enganados e espezinhados por um Governo falso e mentiroso que afirma que há mais ação social… Não vemos onde nem como”, pode ler-se numa carta enviada aos colegas da escola.

Recorde-se que, em meados de dezembro último, as bolsas do ensino superior foram retiradas do decreto-lei (DL) 70/2010 para evitar que “centenas de estudantes” fossem impedidos de prosseguir estudos.

“É importante que se saiba que mais de 70 por cento dos bolseiros do IPC viram o pedido de bolsa recusado. É lamentável”, afirmou João Morgado.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s


%d bloggers like this: